Renova Pés da S’Ollér Brasil

Este é um daqueles produtos que caíram no meu colo… herança do que a Glambox me empurrava (ainda bem que me livrei desse encosto de serviço) e que se eu estivesse sozinha, jamais compraria.

Ainda assim, pra fazer valer o dinheiro gasto, resolvi testar.

Trata-se de um hidratante específico para os pés.

👣 Proposta:

A marca diz que o produto é um creme pensando nos pés extremamente ressecados, ásperos e com fissuras, promentendo, pois, recuperar totalmente a saúde dos pés, queridos pés, que nos aguentam o dia inteiro (😄).

Para isso, destacam os benéficos da Vitamina E, uréia, D-pantenol e dos óleos de gérmen de trigo e amêndoa doce.

Porém, atrás de todos esses “ativos do bem” e da embalagem de coloração natureba, já que o verde e marrom cintilante dão um aspecto de green beauty, há ingredientes potencialmente nocivos, como os chamados parabenos e sulfactante.

De grosso modo, parabenos são providos do petróleo e com diversos estudos maléficos quando absorvidos em nosso organismo.

composição e descrição - resenha creme renove pé - soller brasil

Serei franca: nunca vi um só produto reunir tanto tipo de parabeno como esse:

COMPOSIÇÃO: Aqua; Cetearyl Alcohol; Cetearyl Alcohol/Sodium Cetearyl Sulfate; Urea; Cyclomethicone; Triticum Vulgare Germ Extract; Prunus Amygdalus Dulcis Oil; Glycerin; Panthenol; Parfum: Butylphenyl Methylpropional, Amyl Cinnamal, Benzyl Benzoate, Benzyl Salicylate, Citral, Coumarin, D-Limonene, Geraniol, Hydroxycitronellal, Linalool; Phenoxyethanol, Methylparaben, Ethylparaben, Butylparaben, Propylparaben, Isobutylparaben; Cetyl Palmitate; Tocopheryl Acetate; BHT; Disodium EDTA.

👣 Considerações:

textura creme para os pés

A textura não é muito pastosa, então você já antecipa um resultado de que ele não promoverá uma hidratação tão intensa como se espera. Tem a textura de um creme comum.

A fragrância é boa, a meu ver eclética, um frutal meio adocicado, porém não forte. Isso é bom porque quebra aquela imagem de que todos os produtos para os pés tenham de ser mentolados e canforados.

Nada contra mentol e cânfora (ao contrário – – – eu até já plantei uma canforinha), mas daí passa a sensação de que se usa sempre um mesmo produto para os pés, de que seja tudo igual.

Tenho os pés completamente castigados, fruto de um trabalho hoje não reconhecido e que praticamente deformou meus pés, que também são extremamente secos, ásperos, descamados etc etc etc. Posso resumir que meu pé é carcomido rsrsrs.

Então, me considero uma pessoa perfeita para testar produtos intensivos para os pés.

Apliquei várias vezes e em dias seguidos, antes de dormir e massageando bem até a sua absorção.

Não notei nenhum avanço, a hidratação foi superficial, ou seja, apenas na hora da aplicação.

👣 Resultado:

Com tanta química pesada, tóxica e sintética, esse produto precisa melhorar, a começar com reformulação por ativos naturais mais emolientes, menos agressivos e altamente hidratantes e relaxantes.