Kaoma

 

Só agora percebi que este é mais um post musical sobre artista recentemente falecido.

Loalwa Braz foi encontrada morta no último dia 19, próximo da pousada que possuía em Saquarema (RJ). O principal acusado se aproveitou do acesso que tinha à pousada como funcionário recém contratado para roubar valores em espécie, nada exorbitante em quantia, vasos e até o disco de ouro da cantora, fruto de trabalho mundialmente reconhecido e que, provavelmente este marginal jamais saberá a honra de um ofício digno.

Pior, a estupidez do meliante era tanta que este ainda acreditava ser o disco literalmente de ouro puro e não somente uma representatividade.

Loalwa liderava o grupo de lambada franco-brasileiro Kaoma, que virou uma verdadeira febre na indústria fonográfica em meados dos anos 80 e início dos anos 90. A lambada estava no ápice, inclusive em proporções mundiais.

Confesso que não queria que meu post fosse assim, com um acontecimento triste, ainda mais com o citado gênero musical, mas acho que pra mim, isso elevou ainda mais a nostalgia.

Sinto-me praticamente na obrigação de publicar esse post porque eu amava dançar lambada quando criança, muito por conta da música alegre e radiante.

O “toca-fitas” devia ficar gasto de tanto ouvir Kaoma. Sim, toca-fitas kkkkkk.

É engraçado lembrar disso… Eu até trocava de roupa, para vestir minhas saias e dançar lambada em meu quarto hahahahahahaha.

E, em homenagem a esses momentos de minha história é que relaciono as músicas que mais curtia do grupo:

Chorando se foi quem um dia só me fez chorar
Chorando se foi quem um dia só me fez chorar

Chorando estará, ao lembrar de um amor
Que um dia não soube cuidar
Chorando estará, ao lembrar de um amor
Que um dia não soube cuidar

A recordação vai estar com ele aonde for
A recordação vai estar pra sempre aonde eu for

Dança, sol e mar, guardarei no olhar
O amor faz perder e encontrar

Lambando estarei ao lembrar que este amor
Por um dia um instante foi rei

A recordação vai estar com ele aonde for
A recordação vai estar pra sempre aonde eu for

Chorando estará ao lembrar de um amor
Que um dia não soube cuidar
Canção, riso e dor, melodia de amor
Um momento que fica no ar

Anúncios